Confira sinais de que não está poupando o suficiente

Alerta de spoiler: O uso do cheque especial é um péssimo sinal

Não tem fórmula mágica, para realizações de sonhos que envolvem dinheiro, é necessário poupar e investir. Porém, no dia a dia é comum que a gente se perca desses objetivos e acabe gastando além do previsto. Para voltar aos trilhos, é necessário observar os sinais que indicam que essa economia não está acontecendo e que isso está atrapalhando o seu orçamento.

Se você não sabe onde guarda o seu dinheiro, já temos o primeiro alerta. Faça uma reflexão: para onde foi o meu salário do mês passado? Se surgirem interrogações na sua cabeça, já sabe. A solução mais simples para esse problema é fazer uma lista de organização, a partir dela você já começa a ter uma noção de quais gastos tem e é possível também definir as prioridades.

Já viveu essa situação? Você recebe no 5º dia útil e no 10º já não tem mais um centavo. Neste caso, pode ser que seus gastos fixos estejam acima da sua renda ou os gastos variáveis, aquelas despesas não previstas, estão tomando de conta do orçamento. Em qualquer um dos casos, a definição de prioridades pode ajudar. Procure planos de Internet mais em conta, economize na água e energia e diminua os gastos desnecessários, como uso excessivo de aplicativos de transporte.

Sabe o cheque especial? Se você já teve que utilizar ele nos últimos seis meses, temos outro alerta. Significa que tem algo de errado no seu orçamento. Essa forma de empréstimo é uma péssima solução, visto que os juros são altíssimos, segundio o Banco Central, em junho, os juros médios do cheque especial alcançaram 322,2% ao ano. Imagine o rombo que isso pode fazer em suas finanças. O ideal é deixar de lado esse tipo de empréstimo e focar em organizar as contas.

Uma coisa é fato: boa parte da população brasileira não faz investimentos. De acordo com uma pesquisa da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Ambina), 92% da população economicamente ativa do Brasil não conseguiu realizar investimentos em 2018. 

Se você faz parte desse grupo, ainda dá tempo de mudar de lado. As aplicações andam de mãos dadas com o ato de poupar, se você não está fazendo, significa que o seu dinheiro está sendo todo gasto. Comece por um investimento de baixo risco, como o Tesouro Direto e vá evoluindo.

O último sinal pode ser percebido com uma autocrítica, se você se sente desconfortável quando pensa/fala sobre dinheiro ou futuro, pode ser que sua relação com as finanças não esteja muito boa. 

Além das dicas acima, para que você vire um bom poupador, tenha paciência e foco. Juntar o dinheiro e comprar à vista é melhor que parcelar, por exemplo, basta esperar um tempo para realizar seus desejos. Além disso, ter consciência dos gastos e estabelecer prioridades pode fazer a diferença na hora de poupar dinheiro. 


 

Tags: finanças

Veja mais